Press "Enter" to skip to content

Sabatina do Barão | Geografia – Gabarito comentado #2

1

Caras e caros aspirantes a diplomata,

Chegou a vez da nossa sabatina de Geografia!

Quais são os itens certos e/ou errados na questão abaixo sobre deslocamentos populacionais?

.

QUESTÃO:

“Para atuar sobre as migrações internacionais no século 21, é preciso entender como a globalização afeta os deslocamentos espaciais da população. Nos dias de hoje, o horizonte do migrante não se restringe à cidade mais próxima, nem à capital do estado ou do país. Seu horizonte é o mundo – vislumbrado no cinema, na televisão, na comunicação entre parentes e amigos. O migrante vive num mundo onde a globalização dispensa fronteiras, muda parâmetros diariamente, ostenta luxos, esbanja informações, estimula consumos, gera sonhos e, finalmente, cria expectativas de uma vida melhor”. (MARTINE, George. A globalização inacabada: migrações internacionais e pobreza no século 21. São Paulo Perspectiva, São Paulo, 2005)

Com relação aos deslocamentos populacionais transfronteiriços julgue as afirmativas a seguir:

I. O Relatório Migration Report 2020, da Organização Internacional para Migração, identificou a existência de 272 milhões de migrantes internacionais , o maior número da história, com expressivo crescimento nos últimos 20 anos. Por outro lado, em termos relativos, o percentual de migrantes internacionais no total da população mundial está tendo queda, o que pode ser atribuído ao aumento das ações de controle em fronteiras e adoção de políticas anti-imigração em países como os Estados Unidos.

II. Problemas econômicos, disparidades sociais e a grande instabilidade política com intensos conflitos em diversos países justificam que, em termos absolutos, as migrações internacionais mais volumosas sejam os tradicionais deslocamentos Sul-Norte, que superam as migrações entre países do Sul geopolítico, assim como as migrações Norte-Norte e as migrações Norte-Sul.

III. Grande parte dos migrantes internacionais se deslocam por razões econômicas e estão na faixa etária adulta o que pode gerar efeitos positivos na envelhecida estrutura etária de determinados países mais desenvolvidos. Além disso, pesquisas indicam que a produtividade econômica média dos migrantes é superior a dos trabalhadores locais.

IV. A maior parte dos migrantes transfronteiriços deslocam-se de forma intracontinental, o que pode ser explicado, em parte, pela influência do fator distância. A única exceção são os migrantes africanos porque a maior parte das pessoas que deixam um país na África vai para países da Europa, o que pode ser explicado pelas péssimas condições socioeconômicas no continente e pela ausência de polos de atração populacional de maior relevância.

.

Comentários do professor

No vídeo abaixo, vocês podem conferir o gabarito comentado pelo nosso exímio professor João Felipe Ribeiro sobre cada item da questão. Assistam e anotem as explicações!

.

GABARITO: EECE

.

Continuem treinando com orientações do professor, no modelo da prova objetiva de Geografia no CACD!

.

Colaboração especial neste post:

Licenciado em Geografia pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ). É professor de Geografia na preparação para o Concurso de Admissão à Carreira de Diplomata (CACD) e nos demais cursos da área de Diplomacia e Carreiras Internacionais do Clio – Damásio.

  1. Fernanda Calado Fernanda Calado

    Excelente, mestre!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *