O Internacional em Debate #11: Eleições no Brasil: perspectivas domésticas e internacionais

Minhas caras e meus caros,

No último dia 28 de outubro, tivemos o segundo turno de uma das eleições presidenciais mais decisivas para o Brasil nos últimos anos. Isso porque a votação deste ano não será lembrada apenas como um simples processo eleitoral. A polarização observada no país torna o pleito de 2018 único, com uma sequência de fatos pouco usual, que passaram pela prisão do candidato – até então – líder das pesquisas eleitorais e um grave ataque a faca ao outro candidato – quando este também já era, por sua vez, líder das pesquisas eleitorais.

A mudança no quadro político brasileiro levará a uma reorganização das forças, com um novo papel para a direita e para a esquerda, e com relevantes alterações de curso em matéria de economia e de política externa. Ainda que esses temas tenham soado estéreis para as campanhas eleitorais, eles fazem uma enorme diferença para as condições de vida no país nos próximos anos, e para a posição do Brasil no cenário internacional.

Por esse motivo, realizamos a 11ª edição da série O Internacional em Debate no intuito de discutirmos acerca dos temas sobre os quais pouco se falou na disputa presidencial. Para tanto, contamos com a participação dos grandes professores Daniel Sousa, Rodrigo Armstrong e Tanguy Baghdadi, que forneceram suas análises e explicações das questões econômicas e políticas nos âmbitos interno e internacional. Assistam ao vídeo completo do evento a seguir!

Participações especiais neste post:

Daniel Sousa – Mestre em Economia pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ). Possui Especialização em Innovation in Business Learning por Boston College e graduação em Economia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Atua como Comentarista do Estúdio i da Globo News e Coordenador do GLOBAL MBA do Ibmec Rio de Janeiro. É professor na pós-graduação de Relações Internacionais e nos cursos da área de Diplomacia e Carreiras Internacionais do Clio – Damásio. Leciona na pós-graduação do Ibmec (GLOBAL e MBA) em disciplinas de Teoria Econômica e correlatas. Áreas de atuação: Economia Brasileira, Economia Internacional, Mercado Financeiro e Investimentos.

Rodrigo Armstrong – Mestre em Economia Política Internacional pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e graduado em Relações Internacionais pela Tufts University. Foi escolhido para o Director’s Leadership Council, núcleo de estudantes representantes do programa de Relações Internacionais da universidade. É professor nos cursos da área de Diplomacia e Carreiras Internacionais do Clio – Damásio. Seus interesses de pesquisa envolvem os seguintes temas: História das Relações Internacionais, Política Externa Brasileira, Economia Política Internacional e Finanças Internacionais.

Tanguy Baghdadi – Mestre em Relações Internacionais pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio) e graduado em Relações Internacionais pela Universidade Candido Mendes (UCAM). É professor de Política Internacional nos cursos da área de Diplomacia e Carreiras Internacionais do Clio – Damásio. Atua como coordenador pedagógico de Carreiras Internacionais e da pós-graduação em Relações Internacionais do Damásio Educacional. Tem experiência na área de Política Internacional, atuando principalmente nos seguintes temas: política externa brasileira, desarmamento nuclear, integração regional, terrorismo e organizações internacionais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *